Bem-vindo:  3.80.177.176 Juiz de Fora
    Área Restrita
    
    
       cadastro!
esqueceu?

 
16/12/2016 14:42
  A 20ª EDIÇÃO DA REVISTA ELETRÔNICADA FMG JÁ ESTÁ NO AR

É possível conferir artigos relacionados às áreas de Administração, Direito e Educação ...



18/11/2016 14:09
  A 19ª EDIÇÃO DA REVISTA ELETRÔNICADA FMG JÁ ESTÁ NO AR

É possível conferir artigos relacionados às áreas de Administração, Direito e Educação ...



27/10/2015 10:22
  18ª EDIÇÃO DA REVISTA ELETRÔNICA DA FMG ABRE EDITAL
Está aberto o período para submissão de artigos e resenhas para a 18ª edição da Revista Eletrônica da Faculdade Metodista Granbery (FMG). ...



 
Visitantes: 30853
Total de Artigos Publicados: 312
APRESENTAÇÃO: Estado Autoritário e Violência no Brasil
Notícia postada em: 02/06/2007 11:59
  APRESENTAÇÃO: Estado Autoritário e Violência no Brasil

BORGES FILHO, Nilson e FILGUEIRAS, Fernando. Estado Autoritário e Violência no Brasil.

Apresentação de Lincoln de Araújo Santos, Diretor Acadêmico da Faculdade Metodista Granbery, Doutorando em políticas Publicas e Formação Humana pela UERJ/Faculdade de Educação.

O presente artigo retoma uma discussão importante sobre um tema que não interessa somente a comunidade acadêmica, mas também a sociedade brasileira. Vinte e dois anos se passaram – do Estado autoritário civil-militar, inaugurado em 1964, até a consolidação dos processos de redemocratização ocorridos no país a partir de 1985 – porém a sociedade brasileira ainda está por entender e desvendar os tempos obscuros da história recente do país.

A atualidade do tema abordado pelos professores do Curso de Direito da Faculdade Metodista Granbery, Dr. Nilson Borges Filho e Me. Fernando Filgueiras, significa mais uma tentativa de se qualificar o debate sobre o poder arbitrário de um Estado em mãos das forças conservadoras que dominaram o país por muitos e longos anos, onde a violência imperou como norma e conduta para àqueles de oposição ao regime.

Articulando elementos da ciência histórica e da ciência política, os autores realizam uma profunda análise do pensamento autoritário no Brasil e também apresentam, a partir de uma análise crítica do processo histórico, um panorama das concepções de Estado presentes na República, entre a experiência de Vargas no poder e a identificação deste período até a engenharia de poder constituída na aliança entre os grupos civis e militares, responsáveis pela condução política do país pós 64.

Estado Autoritário e Violência no Brasil será leitura obrigatória para os cursos de graduação, principalmente para as áreas do Direito e das Ciências Sociais porque propõe um estudo sobre o poder autoritário, o seu desdobramento na violência e perseguição àqueles que não se alinharam ao regime.

Discutir hoje a função do Estado brasileiro a partir dos fatores que consolidaram em nosso meio a verticalização do poder e os mecanismos de repressão do regime militar significa levantar questões atuais quanto ao papel da democracia e a garantia dos direitos civis do cidadão sem o uso repressivo dos aparelhos coercitivos do Estado. O artigo a seguir propõe esta discussão.

A observação dos autores na introdução do artigo, quando estes identificam dificuldades de acesso aos arquivos e documentos dos períodos a serem estudados, demonstra também que ainda estamos distantes de um processo de releitura histórica diante dos fatos marcantes que formataram um Estado autoritário o país. O caso da Argentina deve ser exemplar para todos nós, inclusive ao governo brasileiro que faz uma opção dúbia e insegura diante do assunto. A sociedade brasileira ainda aguarda e pressiona o atual governo para que este assuma a decisão de abrir os arquivos, apresentando-os ao mundo acadêmico para a pesquisa e também à sociedade civil brasileira com o objetivo de relermos estes tempos onde o cidadão sofreu limites radicais diante de seus direitos civis e de expressão política.

O texto a seguir nos atualiza no estudo das raízes do pensamento autoritário no país e de como o Estado e o seu poder coercitivo ignorou o ideário republicano. Para a satisfação da comunidade acadêmica granberyense, a primeira publicação do Estado Autoritário e Violência no Brasil se deu na Revista Portuguesa de História.

Boa leitura para todos!



Outras notícias:

  A 20ª EDIÇÃO DA REVISTA ELETRÔNICADA FMG JÁ ESTÁ NO AR ...
  A 19ª EDIÇÃO DA REVISTA ELETRÔNICADA FMG JÁ ESTÁ NO AR ...
  18ª EDIÇÃO DA REVISTA ELETRÔNICA DA FMG ABRE EDITAL ...
  CONFIRA OS ARTIGOS DA 17ª EDIÇÃO DA REVISTA ELETRÔNICA DA FMG ...
  A 16ª edição da Revista Eletrônica da FMG já está no ar! ...
  16ª EDIÇÃO DA REVISTA ELETRÔNICA DA FMG ABRE EDITAL ...
  A 15ª EDIÇÃO DA REVISTA ELETRÔNICA DA FMG JÁ ESTÁ NO AR ...
  15ª edição da Revista Eletrônica da FMG abre edital ...
  CONFIRA A 14ª EDIÇÃO DA REVISTA ELETRÔNICA DA FMG ...
  14ª EDIÇÃO DA REVISTA ELETRÔNICA DA FMG ABRE EDITAL ...
06/07/2008 15:32
  ESCREVER É PRECISO?
 Baixar arquivo!
   Visitas: 394

02/07/2008 13:24
  A EXTINÇÃO PREMATURA DAS MICROEMPRESAS E SEUS REFLEXOS NA ECONOMIA DA CIDADE DE JUIZ DE FORA
 Baixar arquivo!
   Visitas: 256

10/07/2008 09:58
  GINÁSTICA: REEQUILÍBRIO NO COTIDIANO FEMININO
 Baixar arquivo!
   Visitas: 196


14/12/2016 15:39
  A INCLUSÃO DA REPERCUSSÃO GERAL NO RECURSO ESPECIAL: UMA ANÁLISE CRÍTICA À PROPOSTA DE EMENDA À CONSTITUIÇÃO NO 209/2012
 Baixar arquivo!
   Visitas: 37

14/12/2016 15:37
  OS EFEITOS SÓCIO-JURÍDICOS DA DEVOLUÇÃO DO MENOR ADOTADO
 Baixar arquivo!
   Visitas: 28

14/12/2016 15:35
  OS DIREITOS SOCIAIS SOB AS ÓTICAS PROCEDIMENTALISTA E SUBSTANCIALISTA E A OPÇÃO DA SUPREMA CORTE BRASILEIRA
 Baixar arquivo!
   Visitas: 18


 

 
 
REVISTA ELETRÔNICA DO INSTITUTO METODISTA GRANBERY
2011 © Todos os Direitos Reservados